Maria, a mãe de Jesus (Reflexão em Lucas 1: 26 a 47)

12/11/2014 16:12

 A REFLEXÃO DE UM PASTOR LIDER DA IGREJA EVANGELICA: 

 Pastor Luís Alberto Sanches*

A vida de Maria é um bonito exemplo para todos nós. Podemos aprender lições preciosas com aquela que foi chamada de "bendita entre as mulheres", a abençoada mãe de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo (verso 42).

1) Maria, exemplo na sexualidade ( versos 26 e 27 ). 

O texto bíblico nos fala sobre o estado de virgindade de Maria, ou seja, ainda não tinha se relacionado sexualmente com ninguém, dando-nos o exemplo de uma sexualidade bonita. Maria foi "casante" e não "ficante"! Esperou, guardou-se até o casamento para desfrutar com José as bênçãos do relacionamento sexual. Ela valorizou sua virgindade e sexualidade, não se vulgarizou. 

2) Maria, exemplo de simplicidade (versos 28 a 37). 

Ao receber a visita do anjo Gabriel, ficou perturbada. Quem não ficaria? Maria não disfarça suas dúvidas diante da fala do anjo, nem fica orgulhosa diante de tão grande acontecimento, de engravidar de um menino sobrenaturalmente. Maria ensina os cristãos a não se acharem "os mais", nem se acharem "os menos". Viver sem máscaras, sem disfarces, conviver com as certezas e as incertezas que a vida traz. 

3) Maria, exemplo de serva do Senhor ( verso 38). 

Sua resposta diante do acontecimento sobrenatural, diante das mudanças e implicações que a gravidez geraria nela, é maravilhosa: "sou serva do Senhor, que aconteça comigo conforme a tua palavra." Maria revela a sua identidade de serva, submetendo-se à vontade do Senhor, não impondo condições nem barganhando com o Senhor. Maria revela a sua disposição incondicional de agradar a Deus e de viver para o Senhor. Que mulher! 

4) Maria, exemplo de fé no Senhor (versos 46 e 47) 

"Disse então Maria: A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador". Uma jovem recebe uma missão única na história da humanidade, gestante do Senhor Jesus, Deus encarnado. Que mudança na sua vida, nunca mais ela seria a mesma! Críticas, desconfianças, dores, tristezas viriam com certeza. Mas ela confia no Senhor e engrandece ao Senhor com o coração cheio de fé. 

O comportamento exemplar de Maria, que tanto nos encanta, também nos ajuda a entender melhor as palavras de Isabel, sua prima e mãe de João Batista, o precursor de Cristo: "Bendita és tu entre as mulheres, e bendito o fruto do teu ventre" (verso 42). 


 Seja você também um bendito (a) do Senhor. Seja como Maria, tenha as atitudes de Maria, carregue Jesus dentro de você, leve Jesus por onde andar! 
*Pastor Luís Alberto Sanches é Presidente do Conselho de Pastores da cidade.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!